Gestalt-terapia

O que é Gestalt-terapia?

“Gestalt-terapia” foi o nome escolhido por Fritz Perls, Laura Perls, Paul Goodman e outros colaboradores em 1951, nos Estados Unidos, para designar o conjunto de idéias e de práticas clínicas de natureza psicoterapêutica desenvolvidas pelo casal Perls a partir da década de 1940. A peculiaridade dessas idéias e dessas práticas consiste no fato de tentarem repensar a clínica psicanalítica freudiana e as subseqüentes metapsicologias à luz de um estilo de intervenção que visasse, além da palavra e do afeto a ela associada, a motricidade em geral, os quais deveriam ser então pensados como ocorrências de campo; o que motivou a incorporação de reflexões surgidas no contexto da filosofia fenomenológica e de seus desdobramentos junto à Psicologia da Gestalt.
Uma das clínicas gestálticas, normalmente realizada em consutórios, é também chamada de análise da forma, visa acolher em um sentido ético o outro estranho que se apresenta.

Texto adaptado de:
Muller Granzotto e Muller Granzotto (2012).Sobre a Gestalt-terapia.
Disponível em: <http://mullergranzotto.com.br/muller_granzotto/gestalt_terapia.php>
Acessado em: 18/10/2012.